domingo, 21 de janeiro de 2007

Sobre Ontologia e a Influência Dos Cosmos



O tempo todo ouvimos receitas dos poetas de como devemos aproveitar nosso tempo.
Os filósofos tentam nos ensinar a compreender nosso ser. E os provérbios nos previnem sobre certos assuntos. Nossos familiares e todo o resto sempre tem um conselho pra dar. Mas às vezes, é necessários olharmos para nós mesmo. E então compreender como tudo é tão rápido, que de repente nós começamos a enlouquecer antes mesmo do que nossos pais. E ai que começamos a perceber que acordar é bem melhor que ir dormir, encarar as coisas de frente é bem melhor que recuar... e conquistar a certeza, sobretudo, é muito melhor do que a dúvida. E por mais terrível que seja um erro, às vezes é necessário cometê-lo. Pois somos nós que devemos aprender nossas proprias lições!








*Música do dia: Até o Fim - Chico Buarque de Holanda*

4 comentários:

Monéx ;) disse...

"E por mais terrível que seja um erro, às vezes é necessário cometê-lo."
...mas será que são erros mesmo,bom se forem são necessários as vezes, e fazem bem não é?!!!...
Não sei,mas acho que vou roubar este seu texto,"o chapéu serviu"!!!!

;****

Thaís Fronczak disse...

´hãn... entre a duvida e a indecisão, as vezes cometer erros seja mesmo o melhor caminho, pq se for pra errar, e se arrepender que seja por alguma coisa q eu realmente queria fazer, e não pq fiquei ali sentadinha em cima do muro com medo de pular e acabar escolhendo errado...
acho q era isso!!

;*;*;*

michelito disse...

que texto enigmático!!! Quantas conclusões podem ser tiradas dae...

Tati disse...

Seu texto me fez bem.




te adoro.